Imagem padrão para notícia sintprevs, exibe um fundo branco com o logo do sindicato centralizado ao meio.

ATO PÚBLICO EM FRENTE AO NÚCLEO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE REFORÇA GREVE DOS FEDERAIS

Servidores Públicos Federais fechando  Av. conselheiro Furtado

A greve dos servidores federais ganhou um reforço nesta quinta-feira, dia 09, com a paralisação dos servidores do Núcleo Estadual do Ministério da Saúde (NEMS), localizado na Avenida Conselheiro Furtado, com Alcindo Cacela. Além dos servidores do Ministério da Saúde, engrossaram a manifestação servidores de outros órgãos federais em greve, como UFPA, UFRA, IFPA, INCRA, Anvisa, Polícia
Federal, Receita Federal, etc.

Durante o protesto, as lideranças sindicais presentes cobraram do governo a abertura das negociações e criticaram a política de reajuste zero do governo Dilma.

 SE NÃO NEGOCIAR, O INSS VAI PARAR.

Os servidores do INSS no Pará também já começam a entrar no clima de mobilização que está contagiando a maior parte das categorias de servidores públicos federais pelo país afora. Graças à intransigência do Governo Dilma, que, há poucos dias do encerramento do prazo para compor o Orçamento de 2013 (31/08), ainda não apresentou nenhuma proposta considerada plausível pelos trabalhadores do funcionalismo federal.

 

Para discutir essa situação, o SINTPREVS-PA está convocando todos os trabalhadores do INSS para uma Assembleia Geral que será realizada na próxima segunda-feira, dia 13/08, a partir das 12h, no pátio da Gerência Executiva em Belém. Lá serão discutidos os pontos da pauta de reivindicações da campanha salarial deste ano, que inclui, entre outros, as condições de trabalho da categoria, o plano de carreira, incorporação das gratificações e regulamentação das 30 horas para todos os funcionários.

30 HORAS PARA TODOS JÁ

Atualmente, com o descaso do governo, há uma confusão muito grande entre a categoria, pois enquanto algumas APS’s praticam às 30 horas, em outras os trabalhadores são obrigados a trabalhar 8 horas (ou mais) por dia. Isso por que o governo tem “permitido” que somente as Agências com mais de 10 servidores pratiquem às 30 horas, enquanto que, nas agências menores – em cidades como Breves, Parauapebas, Paragominas a Santa Izabel – que apresentam menos de 5 servidores, estes são obrigados a trabalhar 8 horas diárias. Sem contar que nesses locais, geralmente há uma demanda por atendimento proporcionalmente superior, e acaba gerando uma situação massacrante para estes servidores.

Como a culpa por essa situação é do governo – que não realiza concurso público com vagas suficientes – então propomos que nas agencias com menos de 10 servidores, seja praticado apenas um turno de seis horas, para que o trabalhador não seja exposto a situações estressantes, que muitas das vezes resultam em adoecimento e outros tipos de mazela do trabalhador.

É por isso que o SINTPREVS-PA defende a regulamentação imediata das 30 horas para todas as APS’s, para que distorções como essa não continuem acontecendo.

Além das pautas específicas, estaremos discutindo nossa participação na Semana Nacional de Mobilização dos Servidores Públicos Federais, que vai de 13 a 17 de agosto, quando ocorre  Caravana, Acampamento e Marcha em Brasília. Também vamos discutir a proposta de Paralisação Nacional dos servidores do INSS, no dia 15/08, cujo dia, por se tratar de um feriado, proporemos seu adiamento para o dia 16/08.

Enfim, vamos discutir nossa participação mais ativa no movimento dos demais servidores federais, que a cada dia vem ganhando novos reforços, como ocorreu com os colegas da Anvisa, Polícia Federal e Fiscais Agropecuários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*